Jardine quer Weverton, do Palmeiras, para a disputa das Olímpiadas de Tóquio

Cada seleção tem direito a três jogadores com mais de 24 anos; Jardine também deseja contar com Neymar

Por: Thaynara Bernardo da Silva | 20 abril - 10:38

Na ultima sexta-feira, a Fifa divulgou a configuração dos potes para o sorteio dos torneios de futebol das Olímpiadas de Tóquio, marcadas para começar em julho. Os grupos serão definidos amanhã (21), às 5h, na sede da entidade, em Zurique. Em entrevista ao programa “Bem Amigos”, o coordenador de base da CBF, Branco, confirmou que André Jardine, treinador da seleção olímpica, irá levar três atletas sub-24, não revelou nomes mas deixou no ar se seria um goleiro.

Dessa forma, é provável que Jardine cogite levar o goleiro Weverton, do Palmeiras. O acreano é constantemente convocado por Tite para a seleção principal. O goleiro do Verdão foi campeão há quase cinco anos, no Maracanã, após defender o pênalti do alemão Petersen, na disputa do ouro olímpico no Rio 2016.

Weverton beija medalha de ouro do Rio 2016

Instagram/ Reprodução/ @weverton010

A comissão de Jardine entende que na posição, apesar de bem servida com as últimas convocações – Daniel Fuzato, Gabriel Brazão e Phelipe – é fundamental ter um nome experiente. “Nós temos algumas situações e o goleiro é uma delas, que estamos pensando seriamente em convocar (sub-24). Um goleiro de muita qualidade e experiente é o caminho”, disse Branco.

Segundo o Globo Esporte, as negociações com o Palmeiras começaram há algumas semanas. Weverton tem interesse em disputar outra olímpiada e tem admiradores também dentro da CBF.

Convocação de Neymar

Em algumas entrevistas, Jardine já manifestou que seria um prazer ter o reforço de Neymar no grupo. O craque do PSG também já disse ser “fominha” e que, por ele, joga a Copa América e também as olímpiadas de Tóquio, em busca da segunda medalha de ouro.

A saber, Neymar ganhou a prata em 2012, na seleção de Mano Menezes. Na época, o “adulto Ney” tinha apenas 20 anos e ainda era jogador do Santos. Em 2016, ao lado de Weverton, Neymar conquistou a primeira e única medalha de ouro no futebol masculino. Na época, Rogério Micale comandava a seleção brasileira olímpica.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Deixe seu comentário

BOMBOU!

Recomendadas para você