Independiente Del Valle e Grêmio pela Libertadores é adiado; entenda

A Conmebol justificou a mudança com a "falta de resposta das autoridades equatorianas para garantir a realização da partida".

Por: Thaynara Bernardo da Silva | 07 abril - 08:45

Nas vésperas do duelo entre Independiente Del Valle e Grêmio, pela terceira fase da Pré-Libertadores, a Conmebol anunciou a suspensão da partida e mudança de local. Após o Tricolor Gaúcho ter testado mais dois jogadores positivos para Covid-19, as autoridades sanitárias equatorianas impediram que o elenco deixasse o hotel em Quito, para a realização de treinamentos.

Vale lembrar que o treinador Renato Portaluppi não viajou com a delegação gremista por apresentar sintomas. Agora, o jogo está remarcado para sexta-feira (9) às 19h15, no estádio Defensores del Chaco, no Paraguai.

Desde a última segunda-feira, o Grêmio confirmou três casos de Covid-19 – dois deles estão junto com a delegação no Equador: Paulo Victor e Vanderson. Em entrevista ao ge, o CEO do Grêmio, Carlos Amodeo explicou como foi as restrições impostas em Quito.

“Hoje à tarde fomos impedidos pelas autoridades locais de realizar o treino conforme os protocolos da Conmebol. A partir do momento que as autoridades impediram, acionamos a Conmebol para tomar as providências. Há uma quebra de isonomia. Arguimos que se fomos proibidos de treinar, não poderíamos ser obrigados a jogar. A Conmebol teve bom senso de determinar a transferência”, disse o CEO.

Agora, o Grêmio deve viajar nesta quarta-feira para Assunção em voo fretado. O Tricolor aguarda apenas a Conmebol definir a logística da viagem. Com isso, o duelo contra o Caxias – jogo atrasado pela primeira rodada do Campeonato Gaúcho – foi adiado.

LEIA MAIS NOTÍCIAS

Na Argentina, Santos vence San Lorenzo e se aproxima da fase de grupos da Libertadores

Ângelo, do Santos, se torna jogador mais jovem a fazer um gol na Libertadores

Palmeiras encara o Defensa y Justicia nesta quarta, pela Recopa; veja prováveis escalações

Confira os últimos acontecimentos no Estado de São Paulo:

Deixe seu comentário

BOMBOU!

Recomendadas para você