Criticado pela torcida, Leo Pereira fala sobre nova temporada no Flamengo

Zagueiro foi mantido nos planos de Rogério Ceni

Por: Caio César | 04 abril - 17:12

Contratado como esperança para o setor defensivo do Flamengo em 2020, visto que a equipe havia vendido Pablo Marí para o Arsenal, Leo Pereira chegou com status de titular após figurar entre os melhores zagueiros do Brasil quando atuava pelo Athletico-PR. No entanto, entre as críticas e a falta de confiança, o atleta não demonstrou o mesmo desempenho no rubro-negro e perdeu a posição de titular. Em entrevista ao ge, o jogador falou sobre o aprendizado adquirido na primeira temporada, além da dificuldade de um novo estilo tático diferente do que estava acostumado no Furacão.

“Foi uma primeira temporada de muito aprendizado. Faço muito uma autocrítica em relação ao meu trabalho e sei que tenho muito a evoluir e aprender no dia a dia. O Flamengo é um clube com um elenco repleto de bons jogadores, então as oportunidades aparecem para todos e quem joga dá conta do recado. Sigo trabalhando para conquistar meu espaço e agarrar as oportunidades” – analisou.

“A adaptação e o estilo de jogo (as dificuldades). Mas como falei, sei o que fiz e o que posso melhorar, e é nisso que eu acredito. A pandemia atrapalhou bastante as questões física e mental, tudo isso acabou sendo prejudicial para todos nós. Espero que nessa segunda temporada eu entre em campo ainda mais preparado, com a parte tática e física em dia. Acredito que posso fazer bons jogos pelo Flamengo.” – afirmou.

Criticado pela torcida, Leo Pereira fala sobre nova temporada no Flamengo

Foto: Marcelo Cortes/CRF

Apesar de perder a posição ao longo de 2020, sendo reserva para William Arão, improvisado por Rogerio Ceni ao lado de Rodrigo Caio, o zagueiro ressaltou a admiração pelo profissionalismo do técnico. Dessa forma, dentro dos planos do treinador, Leo Pereira tem atuado junto com os jovens no Campeonato Carioca como preparação para disputar a vaga com os seus companheiros, além de Bruno Viana, recém-chegado por empréstimo.

“(Rogério Ceni) é um cara que eu admirava como jogador e admiro ainda mais como treinador. Muito inteligente, abraçou o grupo e essa confiança no dia a dia é fundamental. Não é à toa que chegou e já conquistou um Brasileirão. Minha admiração pelo profissionalismo dele aumenta a cada dia.” – concluiu.

LEIA MAIS

Após início do Campeonato Carioca, os jogadores da base do Flamengo retornam ao sub-20

Rodrigo Caio treina com elenco e pode reforçar Flamengo contra o Madureira

Confira os últimos acontecimentos no Estado de São Paulo:


Deixe seu comentário

BOMBOU!

Recomendadas para você