Com dois gols de Hulk, Atlético-MG vence a primeira na Libertadores

Com a vitória, Galo é o líder do Grupo H, com quatro pontos

Por: Thaynara Bernardo da Silva | 28 abril - 08:47

O Atlético-MG venceu o América de Cali por 2 a 1, nesta terça-feira, e espantou pressão sofrida por Cuca. Após reclamar publicamente sobre falta de oportunidades no time titular, Hulk foi reserva na escalação inicial do Galo, Porém, o camisa 7 entrou no segundo tempo e marcou os dois gols da vitória mineira.

“Logo após minha entrevista, voltei a falar que não foi nada para o professor Cuca, que, como já falei, respeito demais. Era vontade de se cobrar, me cobro demais. Entrei, ajudei meus companheiros e conquistamos o objetivo, que era a vitória. Agora é focar no jogo decisivo que temos no fim de semana”, disse Hulk após o jogo.

Hulk comemora gols e grande atuação

Twitter/ Reprodução/ @Atletico

Primeiro Tempo

Inicialmente, o jogo foi melhor para o América de Cali. Porém, mesmo com a posse de bola, os chilenos não fizeram grandes finalizações, exceto no chute forte de Vergara. No fim da primeira etapa, o Atlético cresceu e passou a marcar mais forte o campo adversário e, consequentemente, tendo mais espaços para arriscar, principalmente pelo lado esquerdo.

Em cobrança de falta, Savarino achou Arana, que desviou e a bola bateu no travessão do América. Na sequência, o goleiro dos Diablos Rojos se complicou em cruzamento e, após tentar jogar a bola para escanteio, acertou o próprio travessão duas vezes. Igor Rabello tentou pegar o rebote, mas sem sucesso.

Segundo Tempo

Na volta do vestiário, Cuquinha – que substituiu Cuca, suspenso – fez sua primeira alteração no Atlético, Hulk no lugar de Vargas, e foi ele que decidiu a vitória atleticana. Aos 12 minutos, Tchê Tchê enfiar por trás e deixa o camisa 7 sozinho dentro da grande área. Graterol sai do gol e toca com a mão nos pés do atacante e o juiz marca pênalti pro Galo, que Hulk converte e abre o placar para os donos da casa.

Em seguida, após uma ótima troca de passes desde Éverson, o Atlético envolveu o América e chegou até o campo de ataque com Keno, que deu um ótimo passe para Savarino dentro da área. O atacante devolveu atrás para Hulk, que só escolhe o canto para ampliar. No entanto, aos 32 minutos, Mariano deu mole e Sánchez roubou a bola na entrada da área, puxou para o meio e chutou cruzado com a perna direita, diminuindo para os chilenos. Nos acréscimos, Nathan foi expulso após confusão com Arrieta.

Agora, o Atlético-MG vira a chavinha e foca no jogo de ida da semifinal do Campeonato Mineiro. A saber, o Galo encara o Tombense no Independência, no sábado, às 16h30. Pela Libertadores, a equipe de Cuca recebe o Cerro Porteño na próxima terça-feira (4), às 19h15.

Por outro lado, o América de Cali visita o Millonarios pelo jogo de volta das quartas de final do Apertura. Na ida, os Diablos Rojos perderam por 2 a 1, e precisam vencer caso queira avançar no torneio nacional. Pela Libertadores, a equipe chilena enfrenta o La Guaira na outra quinta (6), fora de casa, às 23h.

LEIA MAIS

Em noite inspiradora de Rony Rústico, Palmeiras goleia Independiente del Valle pela Libertadores

Na Bombonera, Santos perde para o Boca Juniors e se complica na Libertadores

Confira os últimos acontecimentos no Estado de São Paulo:

Deixe seu comentário

BOMBOU!

Recomendadas para você