Ander Herrera rasga o verbo contra criação da Superliga Europeia

PSG está entre um dos clubes que não concordaram com o novo modelo

Por: Caio César | 19 abril - 21:32

Com o anúncio da criação da Superliga Europeia, as discussões seguem no meio futebolístico, incluindo críticas de ex-jogadores aos responsáveis, assim como estrelas de outras equipes que não participarão da competição. Nesse sentido, Ander Herrera, meio-campista do PSG, clube no qual o mandatário já demonstrou publicamente a sua insatisfação com o torneio, decidiu se pronunciar contra o movimento, ressaltando a injustiça com o sonho dos torcedores.

“Me apaixonei pelo futebol popular, pelo futebol dos torcedores, com o sonho de ver o time do meu coração competir contra os maiores. Se a Superliga Europeia avançar, esses sonhos terminam, os sonhos dos torcedores das equipes que não são as grandes de conseguirem vencer em campo, ao competir nas melhores competições” – relatou.

Ander Herrera rasga o verbo contra criação da Superliga Europeia

Foto: Getty Images

Até o momento, Paris-Saint Germain, Bayern de Munique, Borussia Dortmund e RB Leipzig surgem como equipes que estavam sendo especuladas na liga, porém se pronunciaram contra a medida tomada pelos gigantes europeus. Na sequência, ainda em seu depoimento, Herrera concluiu afirmando ser um “roubo dos ricos ao que o povo criou”.

“Amo o futebol e não posso ficar calado sobre isto, acredito numa Champions League melhorada, mas não nos ricos a roubarem o que o povo criou, que é nada mais que o esporte mais bonito do planeta” – completou.

LEIA MAIS

Borussia Dortmund, Bayern de Munique e RB Leipzig afirmam que vão continuar na Champions League e reprovam a Superliga

Clubes europeus anunciam Superliga em oposição ao modelo da Champions League; entenda

Confira os últimos acontecimentos no Estado de São Paulo:


Deixe seu comentário

BOMBOU!

Recomendadas para você