Polícia investiga Maycon após suposta confissão de sexo com animais no BBB19

A denúncia foi realizada pela ativista dos direitos dos animais, Randel Silva

Por: Alefy Soares | 12 fevereiro - 14:06

A 32ª DP (Taquara) do Rio de Janeiro instaurou inquérito para apurar denúncias de zoofilia do participante Maycon, do Big Brother Brasil 19. O brother falou abertamente que já teve relações sexuais com animais, além de ter colocado bombinhas no rabo de um gato.

A ativista dos direitos dos animais, Randel Silva, foi à Delegacia de Proteção ao Meio Ambiente (DPMA), para registrar a denuncia, e tem consigo os vídeos em que Maycon relata os abusos. A ex-BBB Hana já havia comentado o repúdio que sentia ao ver o brother falar sobre o caso dando risadas.

Delegacia de Crimes Raciais abre inquérito para apurar racismo e intolerância religiosa no BBB19

Imagem: Reprodução/Globo

“Ficamos indignados com a postura de Maycon. Lutamos diariamente contra os maus tratos e ver vídeos de alguém contando, aos risos, que colocou bombinha em rabo de gato, em rede nacional, é terrível. Isso é apologia e um péssimo exemplo”, disse Randel.  “Também houve relatos de outros participantes do programa afirmando que ele contou sobre ter praticado zoofilia. Infelizmente, os crimes contra os animais já prescreveram. Mas, apologia é crime”, continuou.

Imagem: Reprodução/Globo

“As pessoas precisam entender que são responsáveis pelo que dizem. Como militante da causa animal, não poderia fechar os olhos. Ontem (11), mais uma vez, ele voltou a falar sobre zoofilia. Zoofilia não é engraçado, não é uma piada. É uma violência contra um animal. É um estupro”, finalizou.

Até o fechamento desta matéria, a Rede Globo não se pronunciou sobre o caso.

Deixe seu comentário