BBB20: Delegacia da Mulher abre inquérito para investigar Petrix por supostos casos de assédio

Participante já se envolveu em três polêmicas

Por: Amanda Oliveira | 03 fevereiro - 09:23

Após se envolver em não uma, não duas, mas três acusações de assédio, Petrix está sendo investigado pela polícia.

Segundo o jornal “Extra”, a Delegacia Especial de Atendimento à Mulher (Deam) de Jacarepaguá, na Zona Oeste do Rio, abriu um inquérito na última sexta-feira (31) para investigar os supostos casos de assédio cometidos por Petrix Barbosa no Big Brother Brasil.

“De acordo com a Delegacia Especial de Atendimento à Mulher (DEAM) Jacarepaguá, diante dos fatos veiculados na mídia foi aberto procedimento para apurar os fatos”, diz a nota da Polícia Civil.

Foto: Reprodução/Globo

Relembre os casos

A primeira acusação de assédio que o ginasta recebeu foi após ter sido flagrado encostando nos seios de Bianca Andrade, que estava extremamente alcoolizada, durante uma das festas do programa. Leia mais.

Depois disso, quando o grupo estava no quintal da casa, Petrix levantou a sister, puxando-a para um abraço, mas o participante chacoalhou o corpo de Bianca com o dele colado nela. Na web, os internautas consideraram o movimento do ginasta como uma “sarrada”. Veja!

A denúncia mais recente foi contra Flayslane, que também estava bêbada no momento em que tudo aconteceu. No vídeo, o brother aparece encostando as partes íntimas na cabeça da sister – que está sentada no chão. Assista!

MAIS DE BIG BROTHER BRASIL:

BBB20: Produção se pronuncia sobre suposto empurrão de Petrix em Pyong

BBB20: Internautas acusam Petrix de ter empurrado Pyong para atender Big Fone

Confira tudo que rolou no mundo dos famosos:

 

Deixe seu comentário

BOMBOU!

Recomendadas para você