Após 12 anos, Fani Pacheco revela cachê do BBB: “A gente pensava em posar nua”

A celebridade também falou dos valores que cobra para publicações no Instagram

Por: Alefy Soares | 13 janeiro - 11:36

Uma das participantes mais cômicas do BBB 7, Fani Pacheco cedeu entrevista e comentou mais sobre o pensamento das bistres na época, os valores por presença VIP em festas e seus contratos de publicidade.

Em 2007, não havia o tão amado Instagram, que hoje é uma das principais rendas dos ex-BBBs, e Fani comentou: “Antes do Instagram, as celebridades eram mais valorizadas. Depois que o Instagram virou moda, e a quantidade de celebridades triplicou, como os ex-BBBs, blogueiras e digital influencers, a concorrência ficou muito maior”, disse.

Após perder 21kg, Fani Pacheco exibe foto sensual e desabafa

Foto: Reprodução/Instagram

“A presença VIP que eu fazia antigamente era de R$ 7 a 10 mil. Por muitos anos foram R$ 7 mil. De dois anos para cá, com o boom do Instagram, minha presença VIP passou a ser R$ 5,5 mil. E você tem que bater pé para não cair, porque os outros ex-BBB aceitam receber valores menores para fechar o contrato. Aí você acaba perdendo trabalho para não se desvalorizar”, continuou.

Atualmente, a ex-BBB cobra R$ 2,5 mil num publipost (um no feed e outro no stories): “Tem gente que vende muito mais caro. O Instagram virou uma ferramenta de trabalho, uma empresa, e as pessoas estão vivendo disso. Acho muito digno, muito trabalhoso. Um trabalho, inclusive, que eu tenho preguiça de fazer”, diz.

Com mais de 700 mil seguidores, Fani acredita que teria um número maior se tivesse participado das edições recentes: “A partir do ‘BBB 17’, as pessoas já saíam com um milhão de seguidores. Hoje, eu acho que esses ex-BBBs atuais ganham justamente com as redes sociais. Eles já entram sabendo que vão ganhar dinheiro assim. Na minha época, a gente pensava em posar nua na ‘Playboy’, campanhas publicitárias…”, contou.

Foto: Reprodução/Instagram

“Mas hoje, na minha opinião, o Instagram é o objetivo financeira para quem sai do ‘BBB’. Inclusive, muita gente me aborda dizendo que quer entrar no programa para ganhar um milhão de seguidores. Eu mesma não tenho um milhão de seguidores. Para as pessoas, ter um milhão de seguidores é uma garantia que você vai ganhar dinheiro”, finalizou.

Deixe seu comentário

Mais lidas

Recomendadas para você