Artistas se manifestam pela web sobre o massacre a boate LGBT em Orlando

Por: Redação Metropolitana | 13 junho - 8:33 AM | comentários

Neste domingo (12), houve um massacre na boate Pulse, em Orlando (EUA), Flórida. A casa noturna faz parte de uma rede comunitária à comunidade LGBT (lésbicas, gays, bissexuais e transexuais). O atirador, Omar Mateen, do estado Islâmico (EI) já estava no radar do FBI desde 2013.

Foram 50 pessoas mortas e 53 feridas, o presidente Barack Obama diz ser “um ato de terror e ódio”. O caso ainda está sendo investigado.

Pelas redes sociais diversas pessoas e artistas lamentam o ataque:

Eu estou totalmente sem palavras. Para todos em Orlando afetados por esse massacre, meus sentimentos, amor e orações estão com vocês.

“Como como como como alguém pode ter tanto ódio??? Meu coração… está partido. Rezando pelas famílias das vítimas em Orlando. Sinto muito”.

 

Last night – in celebration of pride- a group of people – people like you or me or your neighbors or family were dancing & listening to music & celebrating life, just like you or me or your neighbors would. And then, one man and his guns took that life away from them. That’s cruel. And it’s exactly against what America stands for. I try to make music that hopefully brings joy to people and makes people dance and makes people feel and makes people LOVE… Because there’s nothing more pure and beautiful than that act- and the fact that that resulted in the largest mass shooting in American history leaves me heartbroken. I used to LIVE there. I hope we can wake up and realize we are ALL THE SAME. Just humans. One species. Just wanting to be LOVED. #PrayForOrlando #MoreLoveLessHate

Uma foto publicada por Justin Timberlake (@justintimberlake) em

“Ontem à noite, numa celebração de orgulho – um grupo de pessoas – como eu e você ou seus vizinhos estavam dançando e escutando música e celebrando a vida. Como eu e você ou seus vizinhos fazem. Então, um homem e uma arma tirou essa vida deles. Isso é crueldade. Isso é exatamente contra tudo que a América luta contra.Eu tento fazer música que traz alegria pras pessoas e as faz dançar e os faz sentirem amor. Porque não há nada mais puro e bonito que esse ato – e o fato de que isso tenha se tornado no maior tiroteio da história americana deixa meu coração partido. Eu morava lá. Eu espero que a gente possa acordar e perceber que somos todos iguais. Apenas humanos. Uma espécie. Somente querendo ser AMADO.”

“Amor é Amor. Parem com os crimes de ódio. Qualquer forma de terrorismo é uma forma de ódio”.

“Fique firme com seu orgulho porque ele te pertence. Amor é o oposto do ódio. Minhas sinceras condolências para os LGBTQ sofrendo hoje. Eu rezo pelo controle das armas e uma revolução cultural de bondade. Para todas as pessoas. Não podemos nos dividir diante do mal. Temos que nos unir e nos curar porque somos irmãos e irmãs”

 

Condolences and prayers to Orlando

Uma foto publicada por Beyoncé (@beyonce) em

“Condolências e preces para Orlando”

“A escuridão não pode expulsar a escuridão, apenas a luz pode fazer isso. O ódio não pode expulsar o ódio, só o amor pode fazer isso.”

Deixe seu comentário